EU TE AMO.
Três palavras fortes, mas podem ser vagas ou um simples clichê, a figura de linguagem antítese encaixa-se perfeitamente nessa situação. Se alguém diz que te ama, há que legal, ele te ama, você senti-se amado por apenas três palavrinha "mágicas"?

Demonstração de amor requer mais do que uma simples palavra ou um beijo e um abraço. Sentir-se amado é sentir que a pessoa realmente importa-se com você, não um importar-se forjado ou temporário, mas que seja algo concreto para que quando você precisar, lá estará à pessoa para te ajudar. Quando você cair ou tropeçar a tal pessoa olha para você e diz:
-Estou aqui.

Mesmo que não diga mais do que essas simples palavras, mas só o fato dele está ali te dando força e zelando por sua felicidade, isso é o suficiente. Amar, é sugerir caminhos para melhorar o que não está dando certo, é acalmar e mostrar uma nova possibilidade, mesmo quando o estresse está elevado ou você esteja surtando.
-Ei! Acalme-se, chegou a hora de esclarecer as coisas.

Sentir-se amado e lembrar-se de coisas engraçadas do passado, é rir de quando fazemos uma tempestade em copo d’água, é sorrir das piadas sem graças, é encantar-se a cada dia com o jeito, sorriso e olhar da pessoa. Aqueles que são amados perdoam e não guardam mágoas, são seguros em suas decisões, não sufocam e sim respiram, confiam e guardam os segredos, um do outro.

Amar, amor sentimentos tão comentados e desejados por muitos. Quase todos querem amar ou serem amados, quase todos querem falar ou escutar um amo te, je t’aime ou Love you. E como disse a escritora Martha Medeiros “Eu te amo não diz tudo”.




Um Comentário